• Escritos da Alma,  Reflexões

    A Nossa Própria Companhia

    Um dia eu estava a sair do trabalho e alguém me perguntou onde eu ia a seguir, ao que respondi que ia a uma esplanada perto de casa. A conversa continuou até chegar a perguntar “então, vais com quem?” e eu ter respondido que ia sozinha, e até acrescentei na brincadeira “tenho um encontro com este livro”. A pessoa começou a rir e perguntou se eu não achava estúpido ir sentar-me sozinha numa esplanada. E eu ri-me de volta: Não, não acho. Sim, adoro estar acompanhada por outras pessoas, valorizo muito esses momentos. Tenho amigos que me ligam e dizem “olha, se não estás a fazer nada, queres ir comigo…