Ayurveda,  Saúde da Mulher

O Ciclo Menstrual, a Natureza da Mulher

Num post anterior falámos de alguns ciclos que fazem parte das nossas vidas, em sincronização com o ciclo da Natureza. As mulheres têm um ciclo extra, o ciclo menstrual. Neste post vamos falar sobre este ciclo e darei algumas dicas para se manterem saudáveis.

Perspectiva Ayurvédica

A Ayurveda defende que as mulheres devem manter uma relação especial com a lua, visto que para a medicina indiana existe uma ligação entre os ciclo lunar e o ciclo menstrual. Nem todas as mulheres têm ciclos de 28 dias (duração do ciclo lunar), mas, seja como for, a ligação existe mesmo assim.

Imagem daqui

Os homens também têm um ciclo endócrino, mas ainda não há muito conhecimento divulgado sobre isso, parecendo, contudo, ser regido pelo sol em vez da lua. Por exemplo, a testosterona num homem atinge o seu pico durante a primavera e verão, as estações em que há mais sol.

Não há ciclo mais correcto do que outro, mesmo quando a ovulação ocorre na Lua Nova e a menstruação na Lua Cheia. Podem existir diferenças na forma como as diferentes fases são sentidas, mas não há “o mais correcto” nem “o melhor”.

Influência dos Doshas

O ciclo menstrual é, claro, influenciado pelos doshas. Numa mulher saudável, kapha aumenta durante a fase proliferativa, que dura desde o final da menstruação até à ovulação. O estrogéneo, hormona deste dosha, atinge o seu pico. O ciclo de kapha, chamado de rutukala, culmina com a ovulação.

A progesterona, de natureza pitta, começa a predominar durante a fase secretória, que inicia após a ovulação e termina no final do ciclo. É aqui que pitta predomina.

Vata, por seu lado, tem como função o transporte do sangue da menstruação para fora do corpo, dominando durante os dias de fluxo menstrual.

Ciclo menstrual
Imagem retirada daqui

A menstruação é vista como algo único da Mulher, uma bênção, em vez de ser sentida como um inconveniente. O ciclo menstrual é visto, na tradição Ayurvédica, como uma limpeza mensal e é tratado como tal.

O Teu Potencial Criativo

A menstruação é, em si mesma, uma limpeza sazonal, uma forma que o corpo e a mente de uma mulher têm para se purificar todos os meses. A Natureza deu às mulheres este dom. Uma mulher sábia trabalha com a Natureza, procurando tirar vantagem desta limpeza natural mensal.

A Natureza pede que o nosso corpo e a nossa mente permaneçam em contacto com as suas raízes, naquela Criatividade que apenas o Feminino possui. Ela agradece quando utilizas a tua criatividade para te ajudares a ti mesma ou ajudares os outros; essa habilidade de criar, regenerar e procriar.

Ciclo Menstrual Saudável

O objectivo é manter o processo de limpeza. É importante manter um agni saudável, horas suficientes para descansar e actividades que proporcionem a libertação das toxinas físicas e mentais.

Dicas básicas para a fase da menstruação

1. Mantém uma dieta simples. Quando o objectivo é manter o fogo digestivo do corpo com o objectivo de limpeza, comer kitchari ou outra refeição quente e bem cozinhada é o ideal. Podes adicionar especiarias como gengibre, cardamomo, açafrão, cominhos, canela.

2. Não suprimas necessidades do teu corpo, como urinar, espirrar, evacuar. Se o fizeres, estarás a ajudar vata a seguir no sentido contrário ao que é o seu ciclo descendente natural.

3. Medita. Entra em contacto com o que há de mais profundo em ti. Procura ligar-te às tuas emoções, relaxar o teu corpo e a tua mente. Se surgirem emoções a querer manifestar-se, não as reprimas; liberta-te.

4. Hidrata-te. Como em qualquer limpeza, a hidratação é essencial para o movimento das toxinas. Durante a limpeza menstrual, hidrata-te com chás quentes, como chá de gengibre, de limão com mel, ou chá de cominhos, coentros e funcho.

Mas não é só na menstruação que se deve manter o equilíbrio

Limpeza. Não há melhor maneira de equilibrar os doshas do que uma limpeza anual. Uma limpeza sazonal é muito eficiente no equilíbrio dóshico, e é uma excelente forma de rejuvenescer todos os tecidos do corpo.

Massagem. Quando não estás menstruada podes fazer diariamente uma auto-massagem na zon abdominal e pélvica com óleo de Rícino (pode ser substituídos por óleo de côco se tiveres tendência a Pitta exacerbado).

Rotina diária. Ajuda a manter o corpo a manter um ritmo e um horário. Na rotina podes incluir uma massagem a ti própria, um tempo para exercitares o corpo, refeições a horas constantes.

Yoga. A prática de yoga ajuda o teu corpo a manter-se forte e remove os bloqueios físicos. Há posturas específicas óptimas para o sistema reprodutor feminino. Pede ao teu professor para te guiar nesse sentido, ele saberá o que é melhor para ti.

Saúde Herbal

Antes de mais, estes artigos que escrevo no site não substituem a consulta de um profissional de saúde que te sugira um tratamento individualizado e específico para ti. Principalmente se tens ou suspeitas de algum problema de saúde, pede recomendação a um profissional adequado.

  • Sou apologista de utilizarmos produtos locais e por isso quando recomendo alguma coisa a nível de alimentação procuro manter alimentos que sejam fáceis de encontrar na nossa cozinha. Quando falo da importância da Hidratação, mais acima no texto, já descrevo algumas ervas que podem ajudar.
  • Sumo da romã: Um sumo que ajuda a tonificar o sistema reprodutor feminino. Se juntares com citrinos, não só ficas também com o sabor da vitamina C como melhora a sua absorção. Utilizar, por exemplo meia romã, meia laranja e 1 pedaço pequeno de gengibre fresco em 500 ml de água.
  • Sumo de beterrada é óptimo para o sangue – e para a anemia – e, sendo vermelho, combina bem com o chakra raiz.
  • Um caril de legumes é bem-vindo em qualquer fase do ciclo, assim como as sopas. Pratos nutritivos e aconchegantes.

Existem mais receitas, adaptadas à fase do ciclo e também ao dosha. Em consulta sugiro sempre aquelas que melhor se adaptam a ti, e juntas vemos também que alimentos consegues comprar com mais facilidade.

A título de curiosidade ficam aqui algumas ervas da Ayurveda que são específicas para o ciclo menstrual. Aqui reforço ainda mais que nada deve ser tomado sem consultares primeiro um terapeuta ou falares com o teu médico.

  • Shatavari em cápsulas ou em pó. Esta erva ajuda a reduzir pitta e tem uma grande afinidade com o sistema reprodutor feminino e tracto urinário, e fortalece o sistema imunitário. Ajuda o corpo a adaptar-se a diferentes tipos de stress, sendo utilizada, por exemplo, no alívio dos sintomas do Síndrome Pré-Menstrual e da menopausa, e também para fortalecer o corpo no período pós-parto.

  • Kanchanar Guggulu em cápsulas. Contém ervas que aquecem e que limpam, ajudando na eliminação das toxinas. Especialmente importante em problemas ginecológicos que envolvem estação e congestão, como a síndrome do ovário poliquístico, já falada no blog.

  • Aloe Vera em cápsulas. Conhecido pelos seus benefícios, é refrescante e promove a limpeza do sangue, plasma e urina, sendo muito importante para o sistema reprodutor feminino. Funciona como um tónico para o corpo, removendo bloqueios e dissolvendo estagnações.

  • Manjistha em pó. Ajuda a remover pitta do corpo e é um excelente purificador do sangue, auxiliando igualmente na remoção de estagnações no sistema reprodutivo. Tem inúmeros outros benefícios, incluindo o alívio da dor e dos espasmos menstruais, sendo também eficaz em situações de ciclos menstruais irregulares.

  • Triphala em pó ou em cápsulas. Além de ajudar na eliminação de resíduos, principalmente do sistema gastro-intestinal, e na remoção de toxinas do corpo, é um excelente rejuvenescedor, visto que purifica todo o organismo.

Espero que a informação do post seja útil. Se tiverem dúvidas ou sugestões, não hesitem em enviar mensagem ou deixar nos comentários.

~ Om Shanti


2 Comments

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.